home > Informe-se > Câncer de Próstata > 5 dicas para prevenir o câncer de próstata

5 dicas para prevenir o câncer de próstata

Publicado em 22 de outubro de 2021
Por: Dr. Leonardo Ortigara

5 dicas para prevenir o câncer de próstata

Considerado o tipo mais comum de câncer entre a população masculina, o câncer de próstata representa 29% dos diagnósticos da doença no país. Muitos casos poderiam ser evitados com informações corretas sobre como evitar o câncer de próstata e a consciência sobre a importância de adotar um estilo de vida saudável.

Dados do Instituto Nacional do Câncer (INCA) apontam para 65.840 novos casos de câncer de próstata a cada ano, entre 2020 e 2022. Para evitar que você seja mais um número nas estatísticas, é preciso reforçar os cuidados preventivos, sobretudo após os 50 anos, quando há maior risco de desenvolver a doença.

Quais são os principais fatores de risco?

Assim como para outros tipos de câncer e doenças no geral, existem alguns fatores de risco que também aumentam as chances do surgimento do câncer de próstata. Os principais são fatores imutáveis, ou seja, que não podem ser modificados. São eles:

  • Idade: o risco do câncer de próstata aumenta com o avanço da idade. Como citamos, o risco é maior após os 50 anos, sendo que a grande maioria dos casos é diagnosticada em pacientes com mais de 65 anos.
  • Histórico familiar: homens com casos de câncer de próstata na família, principalmente no pai, avô ou irmão antes dos 60 anos, têm mais chances de desenvolver a doença.
  • Sobrepeso: o excesso de gordura corporal também é um fator de risco para o câncer de próstata, principalmente para casos avançados.

Afinal, como prevenir o câncer de próstata?

A prevenção do câncer de próstata pode ser realizada com a adoção de hábitos saudáveis na rotina do paciente. Quanto mais cedo o paciente começar a se cuidar, maiores são as chances de evitar a doença, mesmo em homens com idade avançada ou histórico familiar.

Confira os principais hábitos que podem te ajudar nessa missão!

Tenha uma alimentação saudável

A alimentação é uma prática essencial para prevenir o câncer de próstata. Segundo a  Prostate Cancer Foundation, uma dieta saudável com baixo teor de gordura e rica em vitaminas e minerais é uma importante medida de prevenção contra o câncer de próstata. Além disso, frutas, legumes, verduras, cereais integrais, feijões e outras leguminosas também são importantes para prevenir a doença. Por outro lado, é recomendado reduzir o consumo de alimentos ultraprocessados e bebidas açucaradas.

Pratique atividades físicas

A prática regular de atividade física contribui para melhorar a saúde de maneira geral. Com um organismo saudável, há muito menos riscos de haver algum tipo de alteração que pode desencadear uma atividade anormal no funcionamento das células e levar ao aparecimento do câncer. A recomendação é praticar 30 minutos de atividade física diariamente ou pelo menos três vezes na semana.

Controle o peso corporal

Como vimos, o sobrepeso é um dos fatores de risco para o câncer de próstata. Por isso, a alimentação saudável aliada à prática de atividade física é extremamente importante, já que reduz o risco da doença e ainda contribui para o controle do peso corporal, que é outra medida ideal para prevenir o câncer de próstata.

Evite o tabagismo e o consumo de bebidas alcoólicas

A ingestão de bebidas alcoólicas faz com que o etanol encontrado no álcool seja metabolizado e transformado em acetaldeído. Este composto pode danificar o DNA e as proteínas de nosso organismo, o que aumenta o risco para o aparecimento de câncer. Evitar o tabagismo também é uma dica importante de como prevenir o câncer de próstata. O hábito de fumar não está relacionado somente ao risco de câncer de pulmão e laringe, mas a diversos outros tipos de câncer, inclusive o de próstata.

Mantenha suas consultas de rotina em dia

O diagnóstico precoce ainda é a melhor maneira de aumentar as chances de cura de qualquer tipo de câncer. Além disso, ao diagnosticar o câncer precocemente, é possível optar por tratamentos menos invasivos e com menos efeitos colaterais. Após os 40 anos, é fundamental realizar exames preventivos anualmente e fazer acompanhamento médico regular.

Quer conferir mais dicas sobre saúde do homem? Acompanhe-me no Facebook e Instagram para ficar por dentro de todas as atualizações.

Material escrito por:
Dr. Leonardo Ortigara
CRM 15149 / RQE 7698
X Balneário Camburiú Itajaí